sábado, 15 de janeiro de 2011

Difícil

É difícil falar tudo o que sinto neste momento, é difícil pensar em você sem te desejar, te querer, te amar. A vida é tão louca, e nos prega cada peça. Eu nunca imaginei te querer como hoje eu quero.

Sempre foi difícil ir pelo caminho mais fácil, e eu me encontro aqui parada, sem saber o que fazer, nem pra onde ir, como te conquistar. Estar sendo difícil perder um amigo e descobrir um amor. Eu não sei o que fazer. É difícil saber como agir.

É tão difícil conversar como antes. Queria poder gritar, chora, falar desse amor, mas é difícil expor ante as pessoas um desejo que é só meu. Difícil compreender o que se passa em sua cabeça. Mais difícil ainda é desvendar teus desejos. E cada vez me vejo mais distante de você, eu só queria matar o desejo de te querer.

Difícil tudo se parece tão difícil, quando no meio do caminho, no caminho mais fácil começa a chover. Se eu conseguisse segurar meus desejos, mas é difícil olhar em teus olhos, sem dos meus ver o desejo de minha alma. Difícil será segurar em tuas mãos se minha pele e meu corpo enlouquecem pelo teu. Difícil será sentir teu cheiro se o meu desejo por você será em vão. Difícil será um beijo no rosto, se minha boca anseia pela sua. Difícil falar de um amor que devora minhas vontades mais ocultas.

Difícil de esquecer, quando quero viver cada minuto desse amor. Difícil, a vida parece tão difícil, mas meus desejos, meus anseios, minhas vontades, minhas “taras” serão superadas porque o amor acabou de brotar.

Karina Baracho

Um comentário:

*** Fávilo ™ *** disse...

Wow! Quem será hein?!
Belo texto!